Como manter um nível adequado de eletrólitos no organismo?

Como manter um nível adequado de eletrólitos no organismo?

13.03.2016 11:22

Avaliação: /5 com base em 0 avaliações

Os eletrólitos, ou seja, os iões de sal existentes em todos os líquidos do nosso corpo, têm uma enorme influência no funcionamento adequado de todo o organismo. Confira quais são as situações em que os perde e como equilibrar o seu nível da melhor maneira.

O organismo humano, para poder funcionar e gozar de uma boa saúde, deve manter o nível adequado de eletrólitos que se encontram no sangue, plasma e em todos os líquidos intersticiais. A sua função é transmitir impulsos nervosos entre tecidos, entre outras. É por isso muito importante ingerir a maior quantidade possível de sódio, potássio e magnésio. A deficiência destes elementos está na origem de transtornos do balanço de eletrólitos, podendo levar a várias doenças e perturbações. As consequências podem ser muito graves porque o nível de eletrólitos demasiado baixo é capaz de perturbar a ação cardíaca e o funcionamento do sistema nervoso.

Quando está exposto/a à perda de eletrólitos?

Perde os valiosos iões de sódio durante um esforço físico intenso. É por isso que se recomenda a desportistas e pessoas que têm uma vida ativa a ingestão de grandes quantidades de líquidos que completam a deficiência de eletrólitos. A perda excessiva dos mesmos é intensificada por infeções e vírus - quando o organismo luta com infeção gasta mais substâncias acumuladas em tecidos e células.

Como identificar a insuficiência de eletrólitos?

É fácil confundir a deficiência de eletrólitos com um enfraquecimento geral e cansaço, mas existem sintomas que devem preocupar mais do que uma simples sonolência. Os sinais de advertência provêm sobretudo do sistema circulatório e nervoso, podendo aparecer tremores e parestesias musculares, vertigens e desmaios. Outros sintomas populares são a hipertensão e arritmias cardíacas. Se adicionalmente aparecerem náuseas e a prisão de ventre, é possível que ao seu organismo faltam eletrólitos.

As melhores fontes de eletrólitos

Se observar a deficiência de eletrólitos no seu organismo, inclua na sua dieta alguns produtos indispensáveis. Beba muita água (pelo menos 1,5 l por dia) com um alto teor de minerais. Ajudará também um sumo de tomates que são uma fonte rica de potássio. Pode também consumir bebidas isotónicas ricas em cloreto de sódio. Na ementa diária inclua produtos ricos em sódio, potássio e magnésio que podem ser encontrados em bananas, amêndoas, tomates ou sementes de abóbora. Se a sua dieta não for devidamente balanceada vale a pena tomar suplementos com vitaminas e minerais.

É melhor prevenir...

Sabendo em que situações o nosso organismo está exposto à perda de eletrólitos podemos preveni-la com antecedência. Lembre-se de evitar um esforço excessivo, por ex. durante dias muito quentes. Se está a passar por uma infeção, beba duas vezes mais água do que habitualmente. A perda de eletrólitos pode ser causada por uma simples diarreia, por isso lembre-se de beber muito em todas as situações.

Ver também:

7 métodos de combate à hipertensão
7 métodos de combate à hipertensão
Como se livrar de dor sem medicação?
Como se livrar de dor sem medicação?
Identifique a fonte de dor - 8 causas de dores de barriga
Identifique a fonte de dor - 8 causas de ...

Adicionar um comentário:

Comentários:

Vale a pena conhecer a sua saúde - seguir os artigos mais recentes.