Hidroginástica – mais que ginástica
Os exercícios dentro de água são um bom método para endurecer o organismo e aumentar a resistência

Hidroginástica – mais que ginástica

19.02.2016 10:37

Avaliação: /5 com base em 0 avaliações

Os exercícios dentro de água são um desporto para cada um – quase sem sentir qualquer esforço torna o corpo mais esbelto, tonifica os músculos e melhora a sua condição. Se anda à procura de exercícios que ajudam a regressar à forma e a perder o excesso de quilogramas, a hidroginástica é uma proposta ideal para si.

Pulos aquáticos para cada um

Ao decidir sobre a específica actividade física, vale a pena ponderar a “universalidade” da hidroginástica. Não é sem razão que diz-se que é um tipo de desporto para cada um. O excesso de peso nem a condição física fraca não impedem os exercícios físicos eficazes. Pode treinar até se tiver problemas de coluna ou dores de articulações. O mesmo deve-se ao facto do peso do corpo diminuir cerca de 70 % dentro de água – graças à flutuabilidade quase não sente o cansaço durante os exercícios. Não sobrecarrega as articulações nem os músculos. Sente-se leve e efectua sem dificuldade os movimentos que na ginástica normal seriam consideravelmente difíceis. Além disso – nem tem que saber nadar porque os exercícios são feitos em água que não ultrapassa o peito.

Vantagens da hidroginástica

A hidroginástica é um tipo de treino aeróbico – oxidante – faz parte do mesmo grupo de exercícios que a corrida, spinning, salto à corda ou bicicleta. Permite queimar até 500 kcal durante 45 minutos de exercícios, elimina as toxinas do organismo, acelera o metabolismo e modela perfeitamente a figura. Graças às características de deslocamento da água, a hidroginástica é muitas vezes aplicada como reabilitação – porque não sobrecarrega os ossos nem as articulações. É uma solução perfeita para as pessoas obesas, mulheres grávidas e pessoas após lesões, fracturas ou deslocação dos ossos.

Além disso, os exercícios dentro de água garantem ao seu corpo uma massagem única que ajuda a eliminar a celulite e tornam a pele mais firme. Durante a hidroginástica queima por média cerca de 40% mais calorias do que durante os mesmos exercícios numa sala ginástica. Isto porque ao treinar dentro de água tem que superar a sua resistência – por isso empenha mais músculos do que durante a ginástica tradicional. Os exercícios frequentes dentro de água aumentam a resistência geral do organismo, melhoram a circulação e o funcionamento do sistema cardiovascular.

Hidroginástica em prática

Os exercícios dentro de água por média duram desde 30 a 45 minutos. Durante este tempo efectua o aquecimento, o treino de resistência e de fortalecimento dos específicos grupos musculares e no final os exercícios de alongamento.

Durante o próprio treino (de resistência e fortalecimento), os exercícios são feitos com acessórios especiais. Cintos flutuantes, barras ou halteres de esponja – ajudam a manter-se à superfície de água, mas também aumentam a eficiência dos exercícios de resistência. As aulas de hidroginástica na maioria dos casos são acompanhadas por música relaxante ou dinâmica. São dirigidas por um instrutor que encontra-se na berma da piscina e demonstra os exercícios às pessoas que encontram-se dentro de água. Todos os exercícios são direccionados para um respectivo programa – pode ser a modelação da figura, aumento do desempenho físico ou fortalecimento muscular ou de resistência de força.

A hidroginástica também pode ser praticada sem instrutor – basta conhecer os exercícios mais populares e efectuá-los durante as visitas individuais na piscina. Pode intercalar exercícios com natação, queimando ainda mais calorias.

Ver também:

6 benefícios resultantes de patinagem
6 benefícios resultantes de patinagem
Melhore a sua forma sem treinos cansativos
Melhore a sua forma sem treinos cansativos
Como escolher a bicicleta ideal
Como escolher a bicicleta ideal

Adicionar um comentário:

Comentários:

Vale a pena conhecer a sua saúde - seguir os artigos mais recentes.