Peixe faz bem à saúde! Porque vale a pena comer peixes e como prepará-los?

Peixe faz bem à saúde! Porque vale a pena comer peixes e como prepará-los?

01.04.2016 12:12

Avaliação: /5 com base em 0 avaliações

Carne delicada, valor nutricional valioso e sabor original são as principais vantagens de pratos feitos à base de peixe. Quando preparados de forma adequada constituem uma refeição equilibrada e propiciam a saúde de todo o organismo. Descubra o que vale a pena saber acerca do peixe e quais são as melhores maneiras de cozinhá-lo.

Fonte natural de vitaminas

As proteínas facilmente absorvidas, os ácidos gordos não saturados e a vitamina D são apenas alguns dos elementos valiosos fornecidos por peixes. A carne de peixes é excecionalmente rica em ácidos gordos omega-3 que têm uma boa influência no sistema circulatório, baixam a pressão de sangue e o nível de um “mau” colesterol. Estimulam também a produção de serotonina que ... melhora o nosso humor.

 

Os peixes são igualmente uma fonte rica de iodo necessário para um funcionamento adequado da tiróide. Este elemento é um dos componentes de hormonas responsáveis por um metabolismo eficiente e pela melhoria do funcionamento do sistema nervoso. Propicia a perda de peso e previne o hipotirodismo. O teor de selénio e da vitamina D na carne de peixes permite proteger os ossos, desacelera o envelhecimento do organismo e reforça músculos.

 

Mais uns componentes de peixes são cálcio e magnésio. No entanto o cálcio encontra-se apenas em peixes que são consumidos juntamente com espinhas (nomeadamente arenques e peixe fumado). Apresenta uma ação anti-alérgica, permite combater infeções e inflamações, sobretudo do sistema ósseo. O magnésio, por sua vez, ajuda a combater a hiperatividade nervosa, elimina câimbras musculares, alivia dores e situações de depressão.

Como preparar o peixe?

Pelos vistos, o peixe é uma verdadeira mina rica em oligoelementos. Para poder tirar proveito deles devemos consumi-los com muita frequência - de preferência em várias formas. Peixes muito fumados ou marinados em vinagre têm espinhas moles podendo ser consumidos sem receio. O peixe frito ou grelhado tem a pele crocante e deliciosa tão gostada por apreciadores de peixe. Como cozinhar o peixe para que seja o mais saudável possível?

PEIXE COZIDO

Pode cozer o peixe em forma de postas, filetes ou o peixe inteiro. Regra básica: o peixe inteiro deve ser cozido em lume brando na temperatura máx. de 80º, enquanto que os pedaços devem ser cozidos em lume intenso na temperatura superior a 80º (neste caso sairá mais suculenta). É melhor cozer o peixe com o dorso para cima. Para obter um sabor intenso e original, cozinhe o peixe num caldo com adição de vinagre de vinho ou ervas e o sumo de limão.

PEIXE FRITO 

O peixe frito tem mais calorias e é mais pesado. Quase 3/4 de gordura neste prato provêm da frigideira e não tem nada a ver com gorduras saudáveis do grupo omega-3. No entanto se optar por este modo de preparação, recorra ao óleo de colza ou azeite. Evite também o peixe panado que aumenta o valor energético do prato.

PEIXE ASSADO

O peixe assado combina perfeitamente com um recheio saboroso - de cogumelos, alho ou ervas. Para que a carne seja mais suculenta, no final da assadura pode untar o peixe com manteiga (normal ou com alho). Ao prato preparado adicione por ex. um molho de maionese e salpique o peixe com o sumo de limão. O peixe assado é também perfeito para pizzas ou outros assados.

PEIXE GRELHADO

Se pretender preparar o peixe grelhado, não tire a pele (para que não se desfaça). Para tirar o sabor original, pode marinar o peixe em azeite e ervas preferidas. O peixe combina perfeitamente com levístico, manjericão, salsa, alecrim ou mostarda-branca. Ao grelhar, use a folha de alumínio graças à qual preparará o peixe mais rápido, conservando o sabor e aroma.

Bom apetite!

Ver também:

Boa dieta para o fígado
Boa dieta para o fígado
Ketchup caseiro - receita comprovada
Ketchup caseiro - receita comprovada
7 vantagens surpreendentes de beber café
7 vantagens surpreendentes de beber café

Adicionar um comentário:

Comentários:

Vale a pena conhecer a sua saúde - seguir os artigos mais recentes.